segunda-feira, maio 30, 2005

Sansão Social

O Ministro das Finanças anunciou na Televisão uma intenção altamente meritória, por parte do Estado: publicitar as empresas que devem dinheiro ao fisco. Para melhor completar a ideia de sanção fiscal que lhe está subjacente, talvez não fosse mal pensado publicitar igualmente as dívidas que o Estado tem para com as empresas. E já não falo das grandes, refiro-me apenas às PME's, algumas das quais vão à falência por causa do despudor com que o Estado não lhes paga as dívidas, durante anos e anos. Ora aí está: o Estado a exibir-se como "pessoa de bem".

2 comentários:

LS disse...

Exactamente, enquanto o Estado não demonstrar (pela prática) que é uma pessoa de bem, tem extrema dificuldade em moralizar (faz o que digo, não faças o que eu faço).

Toix disse...

O problema é que a cara do Estado normalmente é a de um funcionário qualquer atrás de um qualquer guiché, frustrado, mal pago e rabugento.